Sunday, July 08, 2012

Solidão

Solidão, você me quer?
Eu já avistei você. Sempre chega de mansinho só para a gente não perceber. Mas, eu já te conheço. Você não é uma desconhecida para mim. Já te vi várias vezes na minha vida. Lembro até da primeira vez que nos encontramos. Você lembra? Eu nunca vou me esquecer. Agora você quer dizer "cheguei".  Eu entendo. Mas, dessa vez eu tentei não abrir a porta para você e mesmo assim você conseguiu entrar. Acho que você já tem a chave do meu coração. Talvez eu tenha entregue a você e nem percebi.
E agora, o que você quer de mim? Estou fraca e não consigo fingir que você não está aqui.
Será que você vai morar por aqui um tempo? Eu queria gritar com você e expulsá-la com todas as minhas forças. Mas, não estou conseguindo. Então, converse comigo hoje. Chore comigo hoje.

Sim, eu sei... Tenho uma capacidade muito grande de abraçar a solidão. Mas, o que eu posso fazer?
Ela costuma gostar de mim e eu dela. E quando eu e a solidão nos abraçamos não damos espaço para mais ninguém...

No comments: