Sunday, May 04, 2008

Romeo & Juliet

Mais uma vez...Ballet da semana "Romeo & Juliet". Bom, a história acredito que todos a conheçam muito bem! Então, vou relatar um pouco sobre a história do ballet Romeo & Juliet.Mais ou menos no minuto 4 tem o melhor ballet (que é a música de Juliet) com a melhor e mais linda música de Prokofiev. É de chorar...


(...)
Em 1935 Sergei Prokofiev compôs a primeira versão do balé Romeu e Julieta, por encomenda feita pelo famoso Teatro Kirov de Leningrado em 1934. O compositor observou fidelidade total ao argumento de Shakespeare, o que desagradou à direção do Teatro. A duração de três horas da obra e o fato de Prokofiev negar-se a compor uma música nos moldes tradicionais e a dar à história um “final feliz”, fez com que o Kirov recusasse o balé. O Balé Bolshoi interessou-se pela obra que, posteriormente, considerou-a “indançável”. A obra estreou somente em 1938 com o o Ballet de Brno. O espetáculo foi montado por seu Diretor Artístico, I. V. Psota, que também dançou o papel de Romeu, tendo a bailarina Zora Semberova interpretado Julieta. A estréia foi um absoluto sucesso, fazendo com que o Ballet Kirov e o Ballet Bolshoi o incluíssem em seus repertórios posteriormente.

A estrutura original da obra, quem tem aproximadamente três horas de duração, é dividida em quatro atos e dez quadros, seguindo fielmente o roteiro da obra de Shakespeare.

A partir da partitura original, Prokofiev fez três suítes para orquestra, que conservam a unidade e a beleza da do balé completo. Tanto a obra na íntegra quanto as suítes são consideradas composições extremamente importantes dentro do gênero. Isso faz com que a obra faça parte dos programas dos grandes teatros, tanto em sua forma sinfônica quanto sua forma coreográfica.

Apesar do compositor já contar com mais de 43 anos quando compôs o balé, a obra é repleta de uma jovialidade ímpar. Nela pode-se sentir a ousadia imatura de seus personagens, o andamento gracioso de suas danças e paixão frenética dos protagonistas adolescentes, em contraponto com a intransigência os ódios e rancores dos personagens paternos. No balé Romeu e Julieta o gênio de Shakespeare associado ao de Prokofiev nos conduz a um paradoxal estado de tensão associado à beleza da música que envolve a tragédia.

No comments: