Monday, December 10, 2007

Sobre Livros XVIII

O último "Sobre Livros" que escrevi comentei que tive a intuição de que a história desse livro seria bela. Na verdade, ela não foi nem bela nem feia, simplesmente, não foi nada. Achei que eu desfrutaria de sua leitura novamente, mas isso não ocorreu. Li o primeiro capítulo, na qual eu gostei muito e, por isso desejei ler os próximos capítulos. Cheguei a comentar também que tive a impressão de que esse livro me surpreenderia muito, realmente isso aconteceu, pois quando eu abri na página do capítulo dois haviam páginas em branco.....várias....cerca de trinta páginas...somente com a devida enumeração. Achei estranho! Apesar de eu ser o tipo de leitora que não continua tentando ler um livro que não está "lá essas coisas", eu continuei passando folha por folha... Deve ser porque nesse caso a história não estava boa nem ruim, só não acontecia nada, somente página e páginas em branco. Até que abri o terceiro capítulo! E, o pior é que estava escrito: CAPÍTULO III. Mais páginas em branco... Que decepção... Não quero dar "aquela espiada" no final do livro para ver se tem algo escrito. Vou deixar para lá... Sabe aqueles livros que você começa a ler, esquece, e deixa guardado na estante pegando poeira? Pois é! Acho que é o destino deste! Não sei qual foi a intenção do autor em deixar várias páginas em branco... Talvez tenha algum significado, ou apenas acabou o interesse e as idéias do autor. Quem vai saber???
Perdi meu tempo achando que esse autor teria escrito um bom livro... E, eu nem nunca vou saber como ele termina...

No comments: