Thursday, December 07, 2006

Simples Reflexões

Acontecimentos pequenos e insignificantes no meu cotidiano me fazem refletir sobre coisas grandes e complexas na minha vida.
Porque uma pessoa ajuda a outra? Qual é o propósito?
Quando se ajuda alguém, nunca deve esperar retribuição. Se você ajuda, com a intenção de que essa pessoa um dia irá te ajudar, então, isso que você fez não foi ajudar...mas sim, uma forma de interesse mascarada, porque você espera ser retribuído.
Hoje eu ouvi: - “Se você quis ajudar os seus amigos, agora agüenta as conseqüências”. Fiquei imaginando: Como alguém pode pensar assim? Ajudamos porque gostamos, apenas. Se alguém pensa os piores dos instintos humanos, eu prefiro não pensar assim. Prefiro pensar que um dos instintos humanos é ajudar o seu semelhante. É engraçado como pequenas frases que nos falam ao longo da vida, marca o nosso coração. Recordo-me, uns anos atrás, que eu sempre enxergava o pior do ser humano. E, uma pessoa (que eu considero muito como amigo e mentor) percebendo esses meus pensamentos, falou-me:
“-Tudo na vida têm o seu lado bom”, parece ridículo e simples essa frase... Então, ele continuou, “Deus nunca permite que algo aconteça sem nenhum propósito bom, cada gota que cai dos céus tem a permissão divina”. E, me deu tantos exemplos disso, na qual a minha mente mesquinha e pequena não conseguia enxergar. Desde então, quando eu percebo que estou esperando o pior de alguém, eu lembro dessa frase. Tão simples e tão grandiosa. Ainda tenho muito que mudar na minha conduta. O mais fácil foram as minhas atitudes, que com perseverança, muitas delas foram “domadas”. Agora, luto contra os meus pensamentos obscuros...

No comments: