Thursday, October 26, 2006

Futilidades do Ser Humano – Parte II

Eu já havia escrito sobre esse assunto em Futilidades do Ser Humano, dando enfoque na futilidade de uma pessoa se relacionar com outra somente se esta for bonita, ou seja, tendo total preconceito em relação à aparência externa. No momento, irei dar enfoque em outro tipo de futilidade, porque também me decepciona tal atitude. Iniciando da mesma forma: Será que a condição financeira de uma pessoa é tão importante a ponto de decidir um relacionamento amoroso? Para muitas pessoas, a resposta é sim. E, infelizmente, fico decepcionada com esse tipo de atitude, aliás, tenho dificuldade até de discutir sobre isso. Não quero particularizar esse tipo de futilidade à relacionamentos amorosos porque isso existe em todos os ambientes sociais. E, vale para as duas partes, ou seja, existe o preconceito da pessoa que possui condições financeiras em relação a que não possui, e também o contrário. Se você está na posição de “melhor financeiramente” e falar que possui isso ou aquilo, ou que foi a tal lugar, a outra pessoa se sente ofendida e pode vir a dizer alguma bobagem como: “gente rica é outra coisa”, “num fala mais com pobre”, ou sei lá o que (odeio essas frases). E se for o contrário, pode ser que a pessoa diga algumas bobagens, não sei ao certo se é com o intuito de ofender, tais como: “mora mal pra caramba”, “odeio gente pobre”, ou algumas perguntas que pode te deixar ofendida.
Mais uma vez escrevo... Estatisticamente comprovado, para a grande maioria, isso é um ponto decisivo na escolha de um futuro relacionamento, apesar de ser difícil para mim, compreender tal coisa, ou seja, quantas vezes você já viu duas pessoas se relacionarem com padrões sociais completamente distintos? Sejamos realistas, isso é um caso raro. Além da pessoa ser bonita também deve ter condições financeiras para nos relacionarmos??? Bom... Não consigo concordar.

No comments: