Friday, May 12, 2006

Somente para mim

"Aprendi que não importa o quanto certas coisas sejam importantes para mim, tem gente que não dá a mínima e eu jamais conseguirei convencê-las."
William Shakespeare


Uma amiga me enviou um e-mail bem interessante, com algumas frases de William Shakespeare, e uma das frases que eu me identifiquei foi esta frase acima, por ser recente alguns acontecimentos que me ocorreram por parte de críticas de algumas pessoas perante a minha conduta. Enfim, acredito que deve ser muito difícil para o outro conviver com uma pessoa diferente, eu não sei, até porque a diferente nesse caso sou eu. Não sei o porquê que algumas pessoas se incomodam tanto com as minhas filosofias de vida, deve atrapalhar muito, não sei! É difícil ser diferente num mundo onde existem tantas pessoas preconceituosas e hipócritas.
Eu nunca quis que ninguém acreditasse ou seguisse algo que eu acredito, muito pelo contrário, eu nem tenho o costume de divulgar o que eu penso ou o que eu sigo! Se quiser me criticar, tudo bem, mas não fale isso para mim, eu realmente não quero ouvir críticas das “coisas que são importantes para mim”, eu confesso que não tenho mais paciência para tentar explicar ou convencer alguém sobre isso ou aquilo que eu acredito!!!
Eu realmente não consigo entender por que as pessoas têm o prazer em “zombar” você! Deve ser engraçado. A impressão que eu tenho, é que na verdade o ser humano não cresce, continua com as mesmas infantilidades que tinha quando criança ao “zombar” do colega diferente. É muita imaturidade por parte dessas pessoas. Não estou pedindo para ninguém me aceitar, apenas peço respeito! Se alguém acha que as minhas filosofias de vida são todas uma “palhaçada”, tudo bem, eu aceito a opinião, até porque como dizia aquela frase tão linda de Voltaire: “Posso não acreditar em uma palavra do que dizes, mas lutarei com todas as minhas forças pelo direito que você tem de dizê-las”, ou seja, pode pensar o que quiseres de mim, mas me respeite acima de tudo!
Além disso, se tem gente que não dá a mínima para as coisas que são importantes para mim, sinceramente, eu não me importo nem um pouco! E tão pouco, tentarei convencê-los a acreditar! Até porque essas coisas são importantes PARA MIM, e mais ninguém.
E mais, se eu em algum momento, por algum motivo, não importa qual, eu deixar de acreditar em alguma coisa que outrora fora importante para mim, é problema meu!!! São meus ideais, ou seja, eu construo e destruo quando eu quiser!!!
E para completar com mais uma frase de William Shakespeare:

“Aprendi que posso passar anos construindo uma verdade e destruí-la em apenas alguns segundos.”

1 comment:

Michelle Trindade said...

Realmente ser diferente dá trabalho... as pessoas não conseguem aceitar suas convicções e filosofias simplesmente porque aceitar o outro em sua plenitude é algo ainda que o ser humano ainda não conseguiu almejar. Se pelo menos ainda que não concordassem com o modo de vida de outrem mas ficassem calados, já seria um grande avanço. Pois o pior não é não aceitar a filosofia alheia, é criticar e zombar com a filosofia alheia...