Sunday, May 28, 2006

Solidão

Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo..... isto é carência.
Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar... isto é saudade.
Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes, para realinhar os pensamentos... isto é equilíbrio.
Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida... isto é um princípio da natureza.
Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado... isto é circunstância.
Solidão é muito mais do que isto. Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma.

Chico Buarque

4 comments:

Everton said...

Realmente o seu blog têm reflexões que são, indubitavelmente,interessantes! Esta intitulada "Solidão", como vc honestamente fez questão de mostrar, não é uma reflexão sua. No entanto, fica o mérito da escolha de um texto deste que é, sem dúvidas, um dos melhores poetas do país. Aproveito, aliás, pra indicar o cd "Carioca", o novo cd do Chico. É excelente!!!! Tem realmente a alma carioca... começa com uma música interessante, que passeia pela cidade com uma sonoridade gostosa toda vida! Mostra um artista preocupado em "escutar" os diversos bairros do subúrbio*. Ele mostra parte dos gostos, das estética, da musicalidade...em suma, do espírito do subúrbio! O nome da musica é.... "Subúrbio" rsrs! como não poderia deixar de ser :-D ..Têm outras que mostram a cidade... outras que tratam de cinema, e até uma regravação da música "Imagina", que é uma música que eu gosto muito! O cd tem um ar "adolescente"... gostei mesmo do cd... já está disponível nas lojas e na internet ( eu peguei o cd inteiro na net... to sem grana pra comprar o cd..rsrsrs)

Bem, depois da dica, eu faria um comentário dialogando com dois pontos do texto:
"Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo..... isto é carência." e depois ele afirma:

"Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado... isto é circunstância"

Eu penso que o "vazio de gente ao nosso lado" tb leva à carência, dependendo da interpretação que tecemos sobre essa frase.
Eu diria que ela é carência, mas tb pode ser circunstância, pois, "falta de gente para conversar" pode ser igual a "vazio de gente ao nosso lado"... este mesmo vazio pode representar a inexistência "de gente ao nosso lado" para namorar ou passear ou fazer sexo ou só rir,ou outra coisa que o valha..

É claro que não quis dizer que é o que digo, por isso deixei o meu cometário no campo do "pode ser tb", já que em poesia, comoé longamente sabido, não se deve amarrar significados, já que, muitas vezes, o autor busca, justamente, a flexibilidade das interpretações. E acho que tb foi esse foi o prósito neste trabalho do Chico.
Fico por aqui, Danielle... ah, antes de realmente partir, tomarei a liberdade reproduzir parte do texto mais uma vez, sendo agora parte do último parágrafo: "Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma."
Que a solidão tão bem sintetizada pelo poeta Chico Buarque de Hollanda nunca te alcance!!!

Parabéns pelo Blog!!!
Beijos!!!!

*ele inclui tb algumas cidades da baixada, inclusive a sua Nova Iguaçú.

Anonymous said...

Your are Excellent. And so is your site! Keep up the good work. Bookmarked.
»

Anonymous said...

Very pretty site! Keep working. thnx!
»

Anonymous said...

I find some information here.